segunda-feira, 12 de julho de 2010

Síncope do Amor
12/07/2010

Desejo ternamente
Provar da síncope do amor
E poder tornar a respirar,
Mas sem cansar de amar.
Debora de Paiva

2 comentários:

Ronaldo disse...

adorei seu blog, estou seguindo

escreve muito bem, não pare ok?

bjs e bom final de semana

Tomai e Comei: Aqui nasce um novo reino. disse...

Quero a revolução!
Fiz o mal e venho anunciar publicamente a reparação dos meus erros. Sou Judas. Acaso, você é um dos 12 que traí? Em reparação ao meu grande mal fui encarregado de converter os 12 piores e construir um Reino justo que jamais terá fim. Estes 12 devem estar dispostos a empenhar sua vida na construção deste Reino. Só podem fazer parte desta família os que tiverem contraído uma dívida incalculável com a humanidade, tipo Judas Iscariotes, Hitler, Stalin, Napoleão, os imperadores romanos e tantos outros ditadores, sanguinários e/ou traidores da pátria. Vim buscar os que querem curar outros. Enquanto os piores não se converterem, sempre estarão entre nós. Coloque-se no lugar de um deles e faça com que agora reúnam exércitos em favor da justiça e da paz divina. Por pior que você seja, não tenha medo de se apresentar. Conheço bem suas feridas. É como se elas fossem minhas. Estes que tiveram forças para o mal agora vão se reunir em favor do bem. Se foram capazes de construir reinos do mal, imagine se se unirem para a construção de um reino pregado por Jesus Cristo!